Educação Ambiental pode ser incluída no currículo escolar

Dep.Felipe Bornier - foto- Jandher Oliveira.jpg(2)Educação Ambiental poderá ser disciplina obrigatória nas escolas de ensinos fundamental e médio. É o que propõe o Deputado Felipe Bornier (PROS/RJ) com o Projeto de Lei 5604/16, em discussão na Câmara dos Deputados.

De acordo com o autor da proposta, o princípio de orientar sobre o desenvolvimento sustentável está aliado à proteção do meio ambiente e ao desenvolvimento socioeconômico para melhoria da qualidade de vida da população. “A preservação dos recursos naturais passou a ser preocupação mundial e para estimular a consciência ecológica, ligada à preservação do meio ambiente, propus que a educação ambiental fizesse parte do currículo escolar”, ressaltou o deputado.

O meio ambiente é prejudicado por inúmeras ações, como: poluição de rios, lagos e oceanos; poluição do ar provocada principalmente pela queima de combustíveis; poluição do solo por produtos químicos, além do desmatamento provocado por corte ilegal de árvores e queimadas. “O poder público é responsável por promover a educação ambiental em todos os níveis de ensino e o nosso objetivo é justamente ampliar o nível de conscientização da população sobre a importância de preservar o meio ambiente. A educação ambiental para a prática da sustentabilidade é um processo de aprendizagem permanente”, concluiu.

O projeto entrará em discussão nas comissões temáticas da Câmara dos Deputados.

Fique por dentro das novidades , cadastre-se

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *